jueves, 29 de noviembre de 2012

ESQUEÇO TUDO (1990)


Esqueço Tudo

Eu não sei porque eu penso em você,
Porque é que ainda quero te encontrar
Se você não faz questão
Atê parece que não vê
Que eu te amo e cansei de te provar.

Eu não sei porque insisto nesse amor
Quando já me decidi te esquecer.
Mas é só você chamar ao
Esqueço tudo e volto pra você.

Bem no fundo eu sei.
Fui eu mesmo que te acostumou assim.
Só pra ver você feliz não duvidei
Amei demais e esqueci de mim.

Só me enganei.
Eu deixei de ser eu mesmo pra você.
Você fez tudo que quis
Eu perdoei
Perdi você por medo de perder.

Eu não sei porque não digo: “acabou!”
Quando você diz o que me faz doer.
Mas eu sei se você me chamar eu vou
Esqueço tudo e volto pra você.

Bem no fundo eu sei.
Fui eu mesmo que te acostumou assim.
Só pra ver você feliz não duvidei
Amei demais e esqueci de mim.

Só me enganei.
Eu deixei de ser eu mesmo pra você.
Você fez tudo que quis
Eu perdoei
Perdi você por medo de perder.

Eu não sei porque não digo: “acabou!”
Quando você diz o que me faz doer.
Mas eu sei se você me chamar eu vou
Esqueço tudo e volto pra você.





Traducido:

No sé por qué pienso en ti.
Por qué aún te quiero encontrar
Si a ti no te importa
Y Parece que no ves
Que te amo y estoy cansado de demostrarlo.

No sé por qué insisto en este Amor
Ahora, cuando me decidí a olvidar.
Pero cuando vuelves a llamar
Olvido todo y vuelvo junto a ti.

Bien en el fondo sé
Que soy yo mismo quien se acostumbró así.
Sólo por verte feliz nunca dudé.
Amé demasiado y te olvidaste de mi. 

Sólo me equivoqué.
Dejé de ser yo mismo para ti,
Quien hizo todo lo que querías
Y yo perdoné.
Perdido por miedo a perder.

No sé por qué no digo "se acabó!"
Cuando dices que me duele.
Pero sé que si me llamas, voy.
Olvidar todo y vuelvo junto a ti.

Bien en el fondo sé
Que soy yo mismo quien se acostumbró así.
Sólo por verte feliz nunca dudé.
Amé demasiado y te olvidaste de mi. 

Sólo me equivoqué.
Dejé de ser yo mismo para ti,
Quien hizo todo lo que querías
Y yo perdoné.
Perdido por miedo a perder.

No sé por qué no digo "se acabó!"
Cuando dices que me duele.
Pero sé que si me llamas, voy.
Olvido todo y vuelvo junto a ti.



No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada